Bom Jesus

São belas as serras que circundam Bom Jesus, cidade encravada no Vale do Gurgueia, um dos rios mais caudalosos e mais importantes do estado do Piauí. A região é de terras férteis e propícias ao agronegócio. A elevada produção de grãos, notadamente a soja e o arroz, projetaram o município a nível nacional.

A sua origem remonta ao início do século XIX, com os pioneiros ocupando um lugar denominado Buritizinho. Um negro de nome Nicolau Barreiros ergueu uma capela de palha às margens do riacho Grotão, para homenagear Bom Jesus da Boa Sentença, santo de quem era devoto. Não custou muito a aparecerem romeiros de todo canto, atraídos pelas novenas e festividades religiosas. Eles acabaram por fixar suas residências nas proximidades da capela e contribuir para expansão do povoado.

Desde os tempos do negro Nicolau que Bom Jesus vem apresentando elevados índices de crescimento, tanto populacional quanto econômico, ajudado pelo desenvolvimento de sua fronteira agrícola. A região tem recebido produtores do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Uruguai e Paraguai, atraídos pelo cultivo de soja nos cerrados piauienses, rico em águas subterrâneas.