Principais Lagoas do Piauí

Parnaguá

Formada pelo rio Paraim, a 310 metros de altitude e 98 quilômetros quadrados de superfície, a lagoa foi palco da lenda de Miridan. Pertence ao município de Parnaguá, a 760 quilômetros de Teresina, no extremo sul do Piauí. Suas águas calmas e mornas representam uma curiosidade para os visitantes que passam por lá.

Grande do Buriti

Abastecida pelo rio Longá, próxima da cidade de Buriti dos Lopes, a 35 quilômetros de Parnaíba, já foi estaleiro dos fenícios que lá ancoravam para conserto de seus navios. Segundo o historiador e professor Ludwig Schwennagen, os fenícios penetraram o interior pelo rio Parnaíba, na barra de Tutóia, chegando à lagoa Grande Buriti pelo afluente Longá.

Sobradinho

Com 20 quilômetros de comprimento, em forma de “U”, Sobradinho fica a 20 quilômetros de Luís Correia, às margens do povoado que lhe empresta o nome. É ideal para a pesca e prática de esporte náutico. Sem ligação com o mar, no inverno “sangra” e forma um riacho que abastece a lagoa de peixes.

Portinho

Cercada de dunas de areia branca que se movimentam com a ação dos ventos, o Portinho é reconhecido como área de esporte náutico e lazer dos banhistas. É ideal para caminhadas ecológicas sobre as suas dunas, cujas formas sinuosas oferecem um visual fascinante.

Boa Esperança

Formada pela represa das águas do rio Parnaíba, na altura da cidade de Guadalupe, a 350 quilômetros ao sul de Teresina, a hidroelétrica de Boa Esperança abastece de energia o Piauí e parte do estado do Maranhão. O grande lago é ideal para a prática de esporte náutico, lazer, pesca e entretenimento.

Pitombeira

Localizado na cidade de José de Freitas, a 53 quilômetros de Teresina, o açude Pitombeira desperta a curiosidade e a contemplação dos visitantes pela calma das suas águas. Possui bares e restaurantes em suas margens, sendo bastante frequentado nos finais de semana.

Laguna

Cartão-postal da cidade de Campo Maior, a 82 quilômetros de Teresina, o Laguna é um berçário de garças. Em suas imediações, existem bares, restaurantes e meios de hospedagens que complementam as exigências de quem deseja assistir ao sol se pôr entre os carnaubais. Desde o pôr do sol, o movimento das garças mais parece um balé clássico, como se reverenciassem o silêncio absoluto e total das águas paradas de Laguna.

Caldeirão

Administrado pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS -, o açude Caldeirão está localizado a 12 quilômetros de Piripiri e a 180 quilômetros de Teresina. É sinônimo de fertilidade e lazer. Com 220 quilômetros quadrados de bacia, o açude produz peixe e em suas imediações se desenvolve um projeto agrícola para a produção de verduras, frutas e legumes.